Blade Runner: O Caçador de Androides (1982) é um clássico do anos 80 e, para muitos, um dos melhores filmes de temática futurista.

Intitulada de “The Final Cut”, essa versão final de Blade Runner tem previsão de chegar aos cinemas britânicos em 3 de abril. Ainda não há data para o Brasil (Vai Cinemark, eu acredito em você!).

Em 2007, Ridley Scoot, considerou a sétima versão como o corte final, porém, após algumas tentativas, o diretor decidiu que essa é a melhor versão para os fãs.

Mas não é só isso! Um remake desse grande filme está sendo produzido! A nova versão terá a direção de Denis Villeneuve (Blade Runner 2, O Homem Duplicado e Os Suspeitos) e vai contar com a atuação do ator Harrison Ford (vamos torcer para ele não cair com o avião de novo).

Se você não conhece Blade Runner, aqui vai um resuminho:

Bunkernerd_bnn_blade runner-personagens

No início do século XXI, uma grande corporação desenvolve um robô que é mais forte e ágil que o ser humano e se equiparando em inteligência. São conhecidos como replicantes e utilizados como escravos na colonização e exploração de outros planetas.

Claro que, assim como em Exterminador do Futuro e Matrix, um grupo com os robôs mais evoluídos provoca um motim em uma colônia fora da Terra, fazendo com que todos os replicantes fossem considerados uma ameaça e também ilegais. Caso um deles fosse encontrado no planeta, a pena era a morte.

Bunkernerd_bnn_blade-runner-2

Com isso, é criado um grupo policial especial. Eles são os Blade Runner, os caçadores de androides. O sistema funcionava, até que em novembro de 2019, na cidade de Los Angeles, quando cinco replicantes chegam a Terra. Deckard (Harrison Ford), um ex-Blade Runner, é encarregado de destruí-los.

Bunkernerd_bnn_blade runner-Harrison Ford

O novo longa iniciará suas gravações ainda este ano. Vamos ficar de olho! <o

Comentários

comentários

About The Author

Daniel Keller

"Far over the misty mountains cold, to dungeons deep and caverns old. We must away ere break of day, to seek the pale enchanted gold…" Sobrevivente e acumulador de histórias, desbrava o mundo através da imaginação e da criatividade. Designer por escolha e redator por sorte do destino, busca a vida perfeita. Longa vida à Nação Nerd!