Adeeeeeeus anooooo veeeeeelhooooo!!!!

Feliiiiiiz ano noooovooooo….

Ano novo

É isso aí refugiados, o ano acabou.

É hora de colocarmos o espumante para gelar, hora de reunirmos amigos e pessoas especiais ao nosso redor e fazer muita festa.

Hora de ficarmos enlouquecidos e empolgados com a possibilidade do início de um novo ciclo e fazermos promessas e mais promessas que quase nunca serão cumpridas! Hora de falar que “no próximo ano, vou estudar pra não pegar final em nada…”; “No próximo ano vou entrar na academia e ficar em forma…”

E como é bom fazer essas promessas… Ao menos algumas delas a gente acaba cumprindo, com muita força de vontade.

ano novo

Mas é um novo ano e também é tempo de olhar pra trás e fazer um balanço. Sim, quem vive de passado é museu, mas o sábio já dizia que devemos olhar para o futuro, mas aprender com o passado.

Como não sou nenhum sábio, nada mais perfeito neste momento do que citar as palavras de um, para descrever esta passagem que marca todas as nossas vidas. Como diria Raphael Draccon no terceiro livro de sua série Dragões de Éter, Círculos de Chuva:

Ano novo Dragões de Éter, Círculos de Chuva

“Um círculo não tem início e nem fim; mas isso apenas depois que ele já está formado.

Para que um círculo seja formado, porém, primeiro não há nada e, então, seja o que for que vá dar forma a ele, corre por um trajeto que só fará sentido quando completar toda uma volta e se encontrar com o ponto inicial. É então que se compreende o motivo do trajeto. E tanto o início quanto o fim daquela forma não apenas se tornam impossíveis de ser identificados, como também isso deixa de importar.

Porque a única coisa que passa a ser vista é somente o todo da figura completa.

E o que sobra da passagem de cada uma destas pessoas no mundo são os círculos formados através de ciclos que não podem ser detidos. e seja por onde eles vierem a correr, e seja por onde eles vierem a tomar forma, tais ciclos não serão lembrados por seus inícios ou finais, nem por suas larguras, nem por seus diâmetros., somente pela perfeição da figura formada pelo todo.

Ainda que por vezes pareça difícil, ainda que doa, ainda que fraqueje, percorra o círculo completo.

Todo ciclo irá terminar um dia, é verdade. Mas o que sobrará dentro de você, e o que sobrara de você nesse ciclo, jamais irá se perder. Ou se romper. Ou se apagar.”

Dragões de Éter, Círculos de Chuva

Seguindo estas palavras, este ano começou. Simplesmente começou. Como qualquer outro ano, era um ano de muitas promessas e expectativas de que coisas boas e novas pudessem acontecer.

E assim, o círculo começou a se formar. Coisas aconteceram e deixaram de acontecer. O círculo passou a ganhar sua forma e dentro dele círculos menores gradativamente foram se formando e se fechando. Porém nenhum deles deixou de existir. Nenhum deles se apagou.

Agora este grande círculo toma suas últimas formas e começa a se juntar. Mesmo que dificuldades tenham acontecido, ou que o círculo tenha ameaçado se interromper, ele agora se fecha com sua forma esplendorosa e perfeita, da maneira que deve ser.

Olhando pra trás, eu posso dizer pessoalmente que este é um círculo que se fecha com perfeita precisão, na hora que precisa se encerrar, em um ano de muitas alegrias e tristezas, conquistas e derrotas, e principalmente, amizades.

novas amizades

Este ano conheci pessoas sensacionais que abriram círculos tão especiais quanto. Círculos que ainda tem sua forma sendo desenhada e que, espero eu, não se fechem tão cedo.

Cada um daqueles amigos, colegas e pessoas próximas que surgiram na minha vida este ano, tem um lugar especial de muito carinho e também, cada um de vocês pode ter certeza que contribuiu um pouquinho para que meus sonhos e objetivos se realizassem este ano.

Eu só tenho a agradecer pessoalmente a cada um dos bunkers, Renato, Samu, Rodrigo, Mari, Daniel e meu melhor amigo Worm!

Renato Estranho, Paulão, Gustavo

Agradecimentos especiais à  galera de sexta feira, que mesmo estando difícil de nos vermos, continuamos ali, sempre firmes e fortes, nerdeando (quase) toda sexta feira à noite!

Obrigado à Xobofada, grupo de amigos tão especial e tão divertido. Sem vocês as festas e comemorações deste ano não teriam sido da mesma maneira.

Obrigado ao pessoal do time de Futebol Americano, por todas as besteiras e coisas engraçadas trocadas durante o ano!

Obrigado à minha família por ser tão especial e maluca e por ter me aguentado esse tempo todo.

Enfim… Tenho certeza que não só eu, mas todos têm alguém muito especial para agradecer.

Então em nome de todos os que estão lendo este post, eu digo: Obrigado a todos pelo excelente ano que passamos juntos. Que o próximo ano chegue com tudo, trazendo novas experiências, novas aventuras e novas conquistas.

Que as promessas de ano novo sejam cumpridas (pelo menos a maioria delas) e que haja muita felicidade e alegria em 2014.

Esse é o meu voto e o de toda a equipe BunkerNerd!

Excelente novo ano a todos.

Paulo Gomes

Paulo Gomes, O Renovado

Comentários

comentários

About The Author

Convidado

Convidado especial @BunkerNerd.

Leave a Reply

Your email address will not be published.