Aaaaahhh… nada melhor do que que cheiro de tinta quente pela manhã… salve, salve jovens corajosos que buscam a tatuagem perfeita! Pra quem não sabe, nosso Marechal, Renato Estranho é um colecionador de artes, com mais de 10 tattoos espalhadas pelo seu corpinho roliço.

Nesse vídeo, conheça a história (bizarra) da primeira tatuagem do Renato Estranho e saiba o que NÃO FAZER se quiser fazer uma tatuagem!

A história marcada na pele
A tatuagem já foi usada para identificar bandidos, enfeitar poderosos, juntar tribos e afugentar inimigos. Perseguida em vários momentos da história, a prática foi banida por decreto papal no século 8. Passados mais de 4 mil anos, ela ainda é feita por meio de agulhas que perfuram a derme.

Curiosidades

  • Entre 2160 a.C e 1994 a.C., múmias de mulheres egípcias, como a Amunet, foram marcadas com traços e inscrições na região do abdome.
  • Há mais de 2.400 anos, múmias encontradas nas montanhas de Altais, na Sibéria, tinham ombros tatuados com animais reais e imaginários.
  • Entre 509 aC e 27 a.C., imperadores romanos determinam que, para não serem confundidos com súditos mais bem afortunados, prisioneiros e escravos sejam tatuados.
  • No ano 787, o papa Adriano I proíbe que as pessoas se tatuassem alegando que a prática era coisa do demônio.
  • No Japão, em 1600, com o fim das guerras feudais no Japão, os serviços dos samurais tornaram-se desnecessários. Surge a Yakuza, a máfia japonesa.
  • Entre 1831 a 1836, Charles Darwin registrou que a maioria dos povos do planeta conheciam ou utilizavam algum tipo de tatuagem.
  • Em 1942, durante a Segunda Guerra, judeus eram tatuados com número de série para serem identificados nos campos de concentração.
  • Em 1999, a empresa de brinquedos Mattel lançou a Barbie Butterfly Art, uma boneca que vinha com tatuagem lavável.
  • Em dezembro de 2009, depois de passar 52 horas tatuando o corpo de Nick Thunberg, o americano Jeremy Brown bateu o recorde mundial de sessão mais longa.

Fonte: Revista Galileu

Comentários

comentários

About The Author

Daniel Keller

"Far over the misty mountains cold, to dungeons deep and caverns old. We must away ere break of day, to seek the pale enchanted gold…" Sobrevivente e acumulador de histórias, desbrava o mundo através da imaginação e da criatividade. Designer por escolha e redator por sorte do destino, busca a vida perfeita. Longa vida à Nação Nerd!