Uma alteração que está sendo proposta na lei do Marco Civil, visa reduzir a banda larga no Brasil, seria a lei do Marco Civil afrontando a lei do Marco Civil que desde sua concepção “defende o livre acesso”, não é de hoje que as principais operadoras como VIVO, TIM, Claro, NET e OI, oferecem planos de internet com limites de dados, quando este limite é atingido, a conexão é reduzida ou cortada até o próximo vencimento, recordistas de reclamações, a maioria das operadores não conseguem entregar sequer 50% do contratado.

Clã, quem navega na Web, sabe que hoje em dia, um pacote de 100GB é o mesmo que nada, o mercado se expandiu para a web, podemos fazer quase de tudo na internet, menos teletransportar, mas a gente chega lá, enfim, no que diz respeito ao entretenimento, temos vídeos, jogos e músicas que podem ser consumidas on line que cobram muito da banda larga, para jogos digitais, temos a Steam, Uplay, Origin, Nuuvem entre outros, para consumir música, temos Spotify, Rdio, Rara, Deezer, Grooveshark, para filmes e séries, temos Netflix, Crackle,  Telecine Play, HBO Go, Net Movies, Google Play, iTunes Store, El Plus, além é claro do bom e velho Youtube, umas das principais fontes de entretenimento para quem não quer gastar sua grana e é claro que isso custa muita banda da sua conexão.

Redução de Velocidade da Banda Larga 002

Para termos uma ideia do quanto estamos nos tempos da caverna? Vocês sabem o que é 1Gpbs de download ou upload? Tenho certeza que não, e provavelmente ninguém no Brasil sabe, pois é soldado, sabe aquele jogo que você demora mais de seis horas a oito horas para baixar, no Japão não demora mais do que meio minuto. Não deu ragequit ainda? Vem comigo, quedas, instabilidade, variação de download e upload, quem nunca passou horas no telefone com a equipe técnica de sua operadora que atire o primeiro kit de mouse e teclado!

Obviamente estes “ajustes” na lei tentam beneficiar os interesses de empressas arcaicas como a TV por assinatura, por exemplo, mas sabemos que são outros tempos, a limitação ou redução da banda larga está fora de cogitação, nem deveria entrar em pauta, é uma afronta ao código de direito do consumidor. Entre na luta também soldado, você pode fazer parte disso assinando uma Petição Pública, segue o link: http://www.peticaopublica.com.br/pview.aspx?pi=BandaLargaReduzida

Comentários

comentários

About The Author

Convidado

Convidado especial @BunkerNerd.