O Hobbit está chegando em pouco mais de um mês, e o auê em cima de Tolkien volta á tona. Possivelmente milhares de pessoas estão neste momento lendo o Hobbit – e os preços do livro subiram exorbitantemente nos últimos meses: de R$9,90 para R$59,90! – assim como aconteceu há mais de dez anos atrás com outra obra do mesmo autor, quando LOTR foi lançado.

Para aqueles que são fãs de carteirinha, o lançamento de O Hobbit provavelmente atiçou uma faísca dentro de cada um; se estão filmando O Hobbit e já filmaram LOTR… logo, vão filmar O Silmarillion, certo? Nem tanto.

Fui atrás de informações sobre o “filme”Silmarillion na internet e encontrei poucas fontes sobre o referido-futuro-possível-acontecimento, e corta meu coração dividir com vocês o que encontrei: é bem provável que, ao menos nos próximos anos, o Silma (carinhosamente assim chamado por seus fãs) continue existindo apenas nas páginas dos livros e na imaginação de cada um. Vamos ao porquê.

Existe uma empresa chamada Tolkien Estate e outra chamada Middle-Earth Enterprises (antiga Tolkien Enterprises). A primeira pertence ao filho e família de Tolkien, os quais possuem os direitos sobre a maior parte de sua obra. Já a segunda pertence a Saul Zaentz que, em 1976, comprou da United Artists os direitos sobre as obras O Hobbit e O Senhor dos Anéis (empresa que, por sua vez, os havia comprado de Tolkien em 1968).

Pelo que eu li, Christopher Tolkien e os demais integrantes da Tolkien Estate não aprovam o diretor Peter Jackson e nem os filmes feitos até agora e rejeitam terminantemente qualquer possibilidade de vender os direitos da obra que estão em seu poder. Portanto, O Silmarillion e todos os demais livros, artigos, textos, escritos de Tolkien vão continuar só no papel.

Pouca gente sabe, mas Peter Jackson não pode usar nos filmes material proveniente de outro livro que não O Hobbit ou a trilogia LOTR. Se você já se perguntou porque ele nunca mencionou Melkor ou Tom Bombadil essa é a resposta. Eles, infelizmente, são off-limits.

Há posts perdidos na internet, todos em inglês, dizendo que o Silmarillion sairia em 2018 no formato de 5 filmes e que a New Line Cinema teria comprado os direitos sobre o filme por um preço irrisório. Muito infelizmente, esses posts são cópias uns dos outros e incluem uma declaração de Robert Shye, um co-CEO da NLC, falando sobre o acontecido, que teria tido lugar em 2008. Acredito que não seja nada mais do que uma brincadeira de mau gosto que pessoas copiaram sem checar a veracidade. O último que encontrei é ESTE, mas sinceramente, se o Silmarillion fosse mesmo ser filmado, acho que estariam aproveitando a algazarra feita com o Hobbit para especular sobre a outra obra.(Fica a dica: nada de passar informação da internet adiante sem ter mais de 70% de certeza!)

Enquanto ninguém chega a um acordo, fãs e cia divagam e especulam pela internet qual seria a melhor maneira de transformar o Silmarillion em realidade visual: filme ou seriado? Qual a melhor produtora? Quem teria dinheiro suficiente para bancar a produção? Qual a divisão da história? Seria melhor fazer um filme sequencial ou aproveitar as histórias dentro d’O Silma individualmente? sinceramente, acho que desde que a produção seja BOA, eu vou aceitar qualquer um! Porque ao menos nos moldes atuais, qualquer outra coisa que sair daí é lucro!

Essa carta aqui deveria ser endereçada ao filho de JRR Tolkien. É linda! Just think! Diz o herdeiro do Império que não gostaria que o Silma fosse filmado pois contém partes estritamente ligadas à vida pessoal do pai. Well, o mundo não precisa saber disso, se você não tivesse falado talvez ninguém se perguntasse sobre! Como diz Erik no texto (se ele for o fã que assina no final): seu pai escreveu no túmulo LUTHIEN & BEREN, não ARAGORN & ARWEN! Nós, fãs, aceitamos a história como ela é: queremos ver a criação de Arda e Valinor nas telonas de IMAX com toda a pompa e glamour que a tecnologia hoje tem a oferecer. Seria um presente para nossos olhos, um deleite para nossas expectativas. Não vamos mandar cartas para revistas de fofocas relatando o que pensamos sobre a vida pessoal de Tolkien, vamos escrever reviews sobre o filme e incentivar a leitura da obra completa de seu pai!

Lendo os posts que encontrei na internet me deparei com fãs zangadíssimos que abominam a ideia de que mais escritos de Tolkien sejam filmados e acham que os filmes estão corrompendo a Obra. Really?! Se não quer, não vê. Acho melhor alguém tentar fazer do que deixar passar a oportunidade. Eu mesmo tinha lá meus 12, 13 anos quando vi pela primeira vez na TV o trailer de A Sociedade do Anel e endoideci pra ver logo o filme, mesmo não tendo a menor ideia do que se tratava. Larguei um pouco minha coleção da Agatha Christie pra ler Tolkien por causa dos filmes. Acho a chance perfeita para incentivar uma nova geração (e também aquela que cresceu com Harry Potter) a ler mais.

Pra completar: a menos que a posição dos Tolkiens que ainda vivem neste mundo mude, não vamos ver nenhuma outra adaptação ao cinema nem TV nem nada nos próximos-muitos-anos (mais precisamente, 75 anos após a morte de Tolkien segundo as leis dos EUA – mas eu não sei sob a lei de que país considerar o assunto) quando então as obras de Tolkien entrariam em domínio público e poderiam ser filmadas afinal.

Eru, olhai por vossos fãs que anseiam esta super-produção!

Por Mariana Salata – @meninasal

Comentários

comentários

About The Author

MeninaSal

Scissors cuts paper, paper covers rock, rock crushes lizard, lizard poisons Spock, Spock smashes scissors, scissors decapitates lizard, lizard eats paper, paper disproves Spock, Spock vaporizes rock, and as it always has, rock crushes scissors. - Um dia você ainda aprende.

20 Responses

    • Ana Beatriz Machado Silva

      eu já li, é bem interessante…ele fala sobre a criação do mundo onde se passam O hobbit e a trilogia Senhor dos anéis…mto show ! *-*

      Responder
  1. Pedro Henrique

    ah…complicadíssimo
    silmarillion tem MUITA coisa paralela, são diversas histórias paralelas que nos meios the leitura vão se interagindo e se encaixando…não acho possível não tanto que não daria pra "cortar" coisas como no hobbit e SDA que são histórias fechadas. se cortar ficaria extremamente sem pé nem cabeça ou deixaria profundamente a desejar.

    Responder
  2. Camila Dos Santos

    Na verdade, pensando bem, acho que prefiro que não façam mesmo… Filme não rola, não tem como… Série acho que seria um problema. Primeiro pq o orçamento costuma ser proporcionalmente menor, o que poderia prejudicar a qualidade dos efeitos etc, segundo que é muito difícil manter a qualidade numa série que se estenda demais (e pra fazer tudo ia ter que ser enorme…0

    Responder
  3. Celio Lima

    Tenho 6 livros dele as obras são magnificas um dia vão fazer os filmes do Silmarillion, este dia vai ser o dia que o bolso da família Tolkien doer. Como o Jorge Lucas fez com Star Wars.

    Responder
  4. Jeider Correia

    Cara, como eu quero ver o Silmarillion na forma de seriado. muita coisa a ser contada. Criação de Ea, Arda, Valinor,Valar, Maiar, elfos(varios povos), anões, homens, Silmarils…vixe muita coisa mesmo.

    Responder
  5. Antonio Gabriel Gomes Dias

    certo concordo com todos os amigos abaixo certo mais ai pra quem n gosta de ler ia ser prejuízo pq ia ser contado como foi criado a terra media e tals eu msm n gosto de ler livros tbm pq minha vista começa a embaçar mais ia dar mais sentidos aos filmes pq os filmes estão assim por altos toda historia tem um começo mais ai por todos os filmes que já passaram nenhum conta realmente o começo da terra media então eu sou a favor q façam o , o silmerillon pq n ia prejudicar nd dos outros filmes pq cada um tem a sua historia e cada um tem sua qualidade de imagem pq todos andam dizendo a n vou assistir o silmarillon pq vai ser ruim n tem nada a ver cada um tem uma historia quando assistirem o trailer n vao pensar duas vezes vao dizer quero assistir pq vao assistir com o olhar critico e vao acabar gostando por mais ruim q seja fica a dica amigos obr por terem lido meu desabafo como critico e como fã da serie senhor dos anéis e o hobbit e tenho certeza q vao também gostar de o silmarillon tanto quanto eu quando lançar vlw a cooperação de todos…..

    Responder
  6. Roger Vinicius dos Santos

    Gosto muito do livro Silmarillion, mas não acho que uma adaptação para o cinema seria boa, pelo menos não a parte inicial do livro, porem existem histórias contadas no livro que eu gostaria de ver, tipo: De Beren e Lúthien, De Túrin Turambar ou até a queda de Numenor contada também nos contos inacabados.

    Responder

Leave a Reply

Your email address will not be published.