nfl

“All right, it’s Sunday Night, and that means Football Night…”

IT IS BACK!!!!!

Meus amigos, depois de 7 meses de espera, ELA está de volta.

A nossa queridíssima National Football League!

Eu não tenho como ilustrar esse post sem colocar inúmeros vídeos. Então já de cara, vai um dos melhores vídeos que eu conheço sobre Football. Recomendo deixar carregando, ler o resto do post e se não estiver convencido de que o esporte é sensacional, volte e veja o vídeo. Recomendado tanto para quem não conhece o esporte, como para aqueles que já conhecem muito bem:

Eu sei que isso está completamente longe da temática do site, mas eu sou um apaixonado pelo Football. E como o Renato Estranho me ofereceu este espaço para que eu escrevesse, então, vamos falar sobre esportes!

Bem, nem sei por onde começar. Estou emocionado com a volta da Liga.

Ver um esporte extremamente estratégico e físico ao mesmo tempo; a alegria de assistir isso comendo uma bela pizza e tomando uma cerveja geladíssima; o prazer de estar junto com os amigos comentando cada lance e falando besteira atrás de besteira; cheerleaders; propagandas iradas; lances espetaculares.

Bem, basicamente o Futebol Americano é isso!

nfl

nflVamos lá… O Football é um esporte de estratégia, apesar de muita gente achar que é um esporte de brutalidade. Obviamente, a força física conta bastante. Mas normalmente quem usa muita força bruta acaba perdendo para o adversário que usa da técnica e habilidade.

Além disso, cada jogada conta com uma estratégia pré-definida. Se um jogador sequer descumprir uma dessas definições, toda a jogada pode estar comprometida.

Então, é um jogo que apesar de toda a força, requer muita inteligência. Pois são inúmeras jogadas, para cada situação específica e com cada jogador cumprindo sua função determinada.

Falando nisso, muita gente gosta de comparar o Football ao xadrez. Sim, ao xadrez.

nfl

Isso, pois, em cada jogada há um time defensor (defendendo seu território) e um time atacante (lutando para conquistar território). Familiar?

É, há quem compare as estratégias do Football às estratégias de guerra.

E como no xadrez, cada peça tem uma função bem específica, podendo haver sacrifício de algumas peças (calma, ninguem é morto nos jogos), avanços, recuos, raciocínios rápidos, e principalmente, decisões rápidas baseadas nas ações inimigas.

Ao inicio de cada jogada, o ataque se posiciona para realizar uma jogada, com uma estratégia já definida, como já dito anteriormente. A partir disso, de conhecimentos prévios, estatísticas de jogadas e vários outros fatores a defesa se posiciona. Se o líder do time atacante achar que não será uma boa ideia usar aquela jogada contra aquele tipo de defesa, tem alguns segundos para reposicionar seu ataque. E a defesa faz o mesmo.

Então, toda essa estratégia e o dinamismo do jogo fazem com que esse esporte seja fantástico.

A princípio pode parecer um bando de brutamontes se batendo e se espancando.

Mas a partir do momento que você compreende o esporte, você começa a ver coisas fantásticas no esporte. Como por exemplo, um jogador aceitar tomar uma pontuação para dar uma posição de retorno ruim para o adversário. Ou então se lamentar por ter marcado pontos, por conta da quantidade de tempo que restou para o adversário poder realizar uma jogada. E tudo isso em plena final de campeonato.

E eu como torcedor do New Orleans Saints não posso deixar de citar dois momentos muito emocionantes durante a final  da temporada 2009-2010 contra o Indianápolis Colts: o onside kick logo no retorno dos intervalos e a interceptação do Tracy Porter, sinalizando o local em que iria correr e partindo para um Touch-Down, que deu o título ao Saints

http://www.youtube.com/watch?v=DBlvjtfpPAg

Isso pode parecer grego para quem não entende do esporte, mas quem entende, sabe que estas são coisas fantásticas.

E quem não sabe, recomendo que procure conhecer um pouco do esporte. Há quem reclame que o jogo pára muito e não consegue entender nada. Se for esse o caso, aproveite as jogadas para ir buscar a cerveja na geladeira. E o intervalo para falar besteira com seus amigos e comer coisas gostosas.

nfl

Nessa temporada, não teremos mais nossa musa Faith Hill cantando o famosíssimo tema do Sunday Night Football.

Mas ela foi substituída pela Carrie Underwood. Na minha opinião ainda não temos uma nova musa, mas acho que é um pouco de luto pela falta da Faith.

http://www.youtube.com/watch?v=8Lu26bHbk8k

Logo logo nos acostumamos com a Carrie e nossas noites de domingo voltarão a ser deliciosas.

 

Sim, that’s Football my friends… And it is back!

Dedico este post aos meus queridos amigos de Monday Night, Rafael Krieger, Pedro Paciornik, Raphael Pirolo, Roberto Galva e Eduardo Taba.

E aos meus queridos companheiros de time André ‘Feio’ Cantarin, Cesar Dantas, Clemerson ‘Ruivo’ Campos, Ectore ‘Filhinho’ Scuissiatto, Fabiano ‘Torinho’ Rodrigues, Fernando ‘Feco’ Trentini, Guilherme ‘Bala’ Bida, Hicaro Pitta, Reinaldo ‘Gotinha’ Machado, Ricardo Manzo, Victor Yamauthi e os meus eternos companheiros, ainda que não joguem mais, Ewerton ‘Ton’ Sabino e Gustavo ‘Encantado’ Santos.

Um grande abraço a todos e não percam os jogos de domingo.

Paulão, o Defensive End.

nfl

Comentários

comentários

About The Author

Convidado

Convidado especial @BunkerNerd.

Leave a Reply

Your email address will not be published.